sexta-feira, 25 de novembro de 2016

Refém da comida

Oi amadas como estão, eu estou bad!!


Se meu dia de ontem correu tudo bem, minha noite foi um verdadeiro desastre as 19:00 da noite comi uma banana até aí tudo bem. Mais depois disso cometi um grande erro, falei pra minha mãe o seguinte: ''sabe o que to com vontade de comer... nhoque'' pois é cavei minha própria cova, por que assim que esqueci o que tinha dito minha mãe foi ao mercado voltando não só com o nhoque (receita do demo) como também com 2 pacotes de biscoito água e sal e 2 pacotes de um biscoito salgado um sabor pizza e o outro queijo ele é cheio de sal e gordura e cheira a fritura, a mera existência dele me agride. Como uma boa gorda coloquei água pra ferver pra fazer o nhoque comi um prato cheio com molho de tomate misturado com molho de pimenta e como se não bastasse muito queijo ralado, não deu outra, miei. A ana pra mim é totalmente aceitável e justificada mais a mia... simplesmente a odeio por que sempre que tenho que recorrer a ela pra minimizar meus erros, ela me lembra do quanto sou fraca e sem controle das minha próprias vontades e compulsões, esfrega na minha cara cada decisão errada que tomei até recorrer a ela de novo. A pior parte é que sempre que como preferia não ter comido, se fosse possível viver sem comida se tivesse um botão ou interruptor pra desligar a vontade e necessidade de comer como em alguns filmes futuristas em que se desliga as emoções e se deixa de sentir eu sem duvidas seria uma adepta. Torço sinceramente pra algum dia um cientista desenvolver uma droga que substitua a comida, que supra todas as nossas necessidades diárias de tal forma que você se sinta cheia e saciada como se tivesse acabado de comer de verdade. A ponto de você poder escolher comer de vez em quando, socialmente kkk e moderadamente. Sei lá acho que no fim das contas o que mais me irrita é a falta de escolha, esse falso livre arbítrio. Acordei hoje com azia me pesei e estou com 68,3 kg achei justo depois de tudo que comi. Decidi fazer NF ate achegar aos 67,0 kg. Sabem quase que não escrevo esse post, tava com tanta vergonha de mim mesma que por bem pouco quase omito a parte que comi como uma porca gorda que sou, mas de que adiantaria se minha mente faz questão de me lembrar disso o tempo todo.



                  ''Se for pra desistir, desista de ser fraca.''



2 comentários:

  1. Ei, princesa! Não se envergonhe pelo deslize do nhoque... Todas nós cometemos erros. Eu que o diga! Minha semana foi desastrosa até quarta-feira! Só ontem, quinta, que tomei vergonha na cara e retomei o caminho certo... ;-;
    Sei como é constrangedor admitir os erros publicamente em um blog, mas sinceramente? Acho que isso nos ajuda a não continuar errando... Afinal, queremos voltar sempre com boas notícias e ser exemplo de autocontrole. Então, acredito que esse seu erro irá te fazer mais forte ainda e ir com tudo na dieta agora! *-*

    Não desanime e nem se puna tanto por culpa disso... Os 67 kg chegarão mais rápido do que você imagina! *-*

    ResponderExcluir
  2. Ai Roxy obg pelo apoio sem vcs eu ja teria surtado sabe, as vzs me pergunto pq é td tao dificel, claro q a culpa do nosso estado atual é nossa mesmo mais tem dias q td parece conspirar contra nós. As vzs desejo q as coisas sejam mais faceis p tds sem td esse sofrimento e drama q nos rodeia mas como a vida real é assim mesmo o jeito é se ajustar a ela!

    Ti desejo td a sorte do mundo bjus!!

    ResponderExcluir